Como a Naturopatia pode ajudar a melhorar o sono

Como a Naturopatia pode ajudar a melhorar o sono

Existem vários suplementos e plantas medicinais que ajudam a dormir um sono mais profundo e a reduzir o stress,

Neste artigo destaco 3 das plantas medicinais mais utilizadas pela Naturopatia com este objectivo.

  1. Alfazema

Lavandula angustifolia Mill.

O mais utilizado é o seu óleo essencial, num método de utilizar as plantas medicinais denominado de Aromaterapia, em que se inalam os princípios ativos voláteis que, ao terem contato com o bolbo olfativo, emitem rapidamente um estímulo para os neurónios. É a forma mais rápida de atuação das plantas medicinais. Os seus constituintes, linalol e acetato de linalilo têm propriedades antibióticas, sedativas e neurotónicas.

Principais propriedades:

+ Melhora o sono tanto em adultos como em crianças. Não provoca sedação, apenas reduz o stress, mantendo a pessoa no seu equílibrio natural.

+ Relaxante, ajuda a tratar a ansiedade e o stress.

Administração

Tem a vantagem de ser utilizado como óleo essencial, sendo por isso inalado, directamente do frasco, 5 a 10 inalações, duas a quatro vezes ao dia. É um dos poucos óleos essenciais que ser aplicado na pele directamente sem ser diluído (se não houver reacção alérgica). É também utilizado em óleos de massagem e champôs. 

  1. Papoila da Califórnia

Escholtzia californica Cham.

É uma planta originária da América do Norte e cultivada como planta ornamental na Europa e em Portugal.
Estimula as capacidades de estudo porque aumenta a ação da acetilcolina e serotonina, neurotransmissores relacionados com a memória e bem-estar.

É da família da papoila vulgar e tal como esta tem propriedades calmantes.

Principais propriedades:

+ Ajuda a dormir durante toda a noite sem acordar, fazendo com que o cérebro descanse, optimizando indiretamente a capacidade de estudo. Principalmente quando a insónia se relaciona com problemas emocionais.

Ao contrário dos fármacos de sínteses química, não produz obnibulação, falta de reflexos ou depressão, permitindo um acordar normal.

Administração

Normalmente está presente em formulações para regular o sistema nervoso.

A dose varia entre 100mg a 2 g diárias dependendo se á tomado por uma criança ou adulto. Para facilitar, já existem xaropes para crianças e comprimidos para adultos, devendo ser respeitadas as dosagens indicadas nas embalagens.

  1. Passiflora

Passiflora incarnata L.

Também denominada Flor-da-Paixão (passion flower em inglês) a passiflora é a planta de onde nasce o maracujá, fruto muito consumido na América Central e do Sul, e ao qual se atribuem algumas propriedades da flor.

Principais propriedades:

+ Relaxante.

+ Nas insónias promove um sono repousado sem interrupções. Especialmente indicada para pessoas que acordam a meio da noite e já não conseguem voltar a adormecer.

+ Tónico do sistema nervoso, utiliza-se para diminuir a ansiedade, podendo ser ingerida com segurança por grávidas ou lactentes, crianças hiperativas ou bebés com dificuldade na regulação dos sonos.

+ Pode utilizar-se na hiperatividade infantil.

Administração

Em infusão, 2g para um litro de água; em comprimidos 500/1000 mg, duas a três vezes vezes por dia, em extrato fluído (1:1), 1 ml duas a três vezes por dia.

 

João Beles
Naturopata

Clínica Fisio S. Brás